sábado, 9 de novembro de 2013

Tem cada uma...

Minha colega de trabalho não tem religião, ela não é católica, não é muçulmana, não é espírita nem acredita em orixás.
O que lhe interessa são alguns lados da filosifia budista, sem se sentir uma ou querer ser uma budista.
Ela acredita na força da Natureza, no ser humano (acho eu).
A Natureza é importante, por isso não devemos destruí-la.
A Natureza é tudo de bom: vegetais, animais, flora, fauna e outros bichos.
Não devemos agredir a Natureza, ela existe e está aí para nosso bem estar - nós somos a Natureza, também.
Não devemos esmagar ninguém.

Tinha uma aranhinha na mesa dela. Parte da Natureza. Não devemos esmagá-la. Ela colocou um pedaço de papel em cima de sua mesa, impedindo-a de trabalhar. A bichinha "subiu" no papel. Ela colocou o papel perto de uma prateleira, um pouco afastado de sua mesa.

Trabalhamos numa sala fechada, somos quatro pessoas.

Não podemos esmagar a Natureza.

Juro que se essa natureza aí aparecer na MINHA mesa, dou uma de Termitora...


Up date : Um post de 2006/2007 que "subiu" sozinho hoje. blog mal assombrado? Oh!!

4 comentários:

Teresa disse...

Ah, eu queria ver se fosse uma caranguejeira se ela ia ter tanto zelo ecológico.

Jussara disse...

Foi o que pensei neste mesmo dia... mas ela nao tem nenhuma piedade de... dromedario! Se puder matar um ela mata, ela morre de medo desse bicho (quase teve ataque histérico em viagem ao Egito quando o guia propos passeio de camelo e/ou dromedario nos ps das piramides).
O louco, sô!

Anônimo disse...

legal a história !! ri muito

sandra maya ayala

Anônimo disse...

A sua colega tem 100% razao. Você tem que seguir o exemplo evoluido dela. Você é uma pessoa com o espirito atrazado. Eu também não tenho religião, não sou católico, muçulman, d'autres sectes,conneries, etc...